Revisitar | Descobrir Guerra Junqueiro


Morena

Uma viagem ao passado. Guerra Junqueiro compôs os versos da “Morena” ainda no período de Coimbra, cursava então direito, e publicou-os em O Primeiro de Janeiro (13 Out. 1870). Com ligeira alteração e supressão de uma estrofe, retomou-os na 1ª edição de A Musa em Férias (1879).
Anos volvidos, patenteado o sucesso popular da poesia, o compositor A. Duarte da Costa Reis vestiu-a de música. No âmbito do revisitar/descobrir Guerra Junqueiro, Sara Carneiro (canto) e Ángel González (piano) interpretaram-na, com registo de som de João Cordeiro.
Como “pintá-la”? As fotografias que Emílio Biel, nome grande da fotografia, publicou em 1910, na Ilustração Portuguesa foram o “clik”. Bastou seleccioná-las. O Raul Paulo digitalizou-as e eis a nossa “Morena”, com a determinante ajuda do Diogo Rodrigues.
Claro, também nós empreendemos em obra mais complicada. Dispensamo-nos de o relatar, bastando dizer que o João Negrão ainda trabalhou em esquemas sonoros e o Pedro Vasconcelos (além de tratar as imagens) se dedicou a uma cibernética abertura em after effects. É difícil fazer simples…

HP

Anúncios

1 Comentário so far
Deixe um comentário

Juntar tamanho poema, misturar com música e pulverizar com imagem realmente resulta numa receita de grande agrado aos olhos e ouvidos.
Parabéns pelo resultado.

Comentar por Nuno Soares




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: